Arquivo da Categoria: Home Theater & Automaçao AV

Equipamentos, instalações, tecnologias, infraestrutura de instalaçao, novidades, tendencias Mundiais em Home Theater.

SOM AMBIENTE® INSTALAÇÃO e Projeto de Audio DISTRIBUÍDO, Lojas Clinicas, Empresas, Residencias

Inicialmente entendendo a Marca Som Ambiente®, que é Nome Empresarial desde 1981 e Marca registrada desde 1995:  Nossos serviços de  Engenharia de audio, instalações e Projetos AV pro, consultoria e serviços de venda de equipamentos AV em geral com marcas oficiais homologadas, levam a Marca, Padrão e nome Som Ambiente®, que atendem os quesitos: normatização , disponibilidade e qualidade em produtos fornecidos e serviços.  Mesmos os produtos de marcas mundialmente conhecidas dos player AV levam nosso nome nos serviços como Instalação  Som Ambiente®.

Nos nossos projetos e instalações, é aplicado as principais marcas mundiais de audio e video, somos especialistas nos fabricantes premium que ofertam soluções de Audio por IP.

Um local tecnicamente chamado de “zona“ (ambiente),  pode conter musica e voz em diversos níveis que produz os seguintes efeitos no corpo humano:

  • 135 dB: o ar parece estar menos presente
  • 140 dB: garganta e cordas vocais passam a vibrar.
  • 142 dB: O peito começa a perceber “socos“.
  • 148 dB: as sensações tornam-se desconfortáveis e doloridas.
  • 150 dB: uma sensação de esmagamento começa a surgir.
  • 155 dB: a vibração pode ser sentida no coração.
  • 158 dB: a vibração fica ainda mais violenta e causa náuseas intensas;
  • 190 dB: Os tímpanos são rompidos;
  • 198 dB: a onda de choque causa a morte.

Os sistemas de audio distribuído (distributed áudio) possuem uma pressão sonora  que variam em geral de 50 a 100 dB, ficando normalmente entre 50 a 80 dB de acordo com o nível de ruido da referida zona que está instalado.

Como demonstrado tecnicamente a pressão sonora em determinada zona (ambiente) pode ser até de romper o tímpano – 190 dB,  Constituindo um erro técnico grave e leiguice dizer que o som de determinada zona  tem que ser apenas baixo ou com caixinhas de embutir ou de parede espaçadas igualmente e chamar erroneamente de ambiente, não podendo  o usuário optar por uma aplicação com caixas profissionais que somam  155 dB por exemplo.

As terminologias profissionais que designam essas linhas de produtos e serviços são: 

Audio comercial (commercial áudio), linha de instalação fixa, Som instalado, Audio distribuído,  sistema de alta voz, instalação de áudio. 

SISTEMAS DE AUDIO DISTRIBUÍDO PARA VÁRIOS TIPOS DE ZONAS (LOCAIS, AMBIENTES)

A função básica de uma  instalação de som para música de fundo ou  música ambiente  é gerar conforto acústico no local, prazer em estar no local, promover o bem estar e interação com o local. Se você coloca um sistema que não atinge esse objetivo o investimento será em vão.

Acima: caixas acústicas em forma de vaso customizadas com o ambiente, harmonia em design

Ha sistemas populares de áudio distribuído com comprometida qualidade de som é tão deficiente que você tem até que olhar para a caixa para tentar ouvir.

Os produtos para instalação de sonorização são classificados em:

  • Básicos não normatizados,
  • Padrão standard,
  • Padrão qualidade custo benefício
  • padrão top Premium.

Os produtos básicos não normatizados, não atendem `as normas técnicas vigentes: marcam uma potencia que não possuem, apresentam aspecto igual aos de padrão standard ou Premium porem com qualidade de funcionamento, vida útil e matéria prima de fabricação inferior,   apesar de possuírem preço convidativo, não compensa investir em projetos  e instalações com estes produtos.

Veja a seguir algumas características de cada tipo  destes produtos para melhor escolha do seu projeto.

Acima: Exemplo de arandela Popular cone papel sem tratamento, carcaça branca que deforma com o tempo tanto a parte elétrica como a aparência, pois não oferece proteção UV, quando é de metal não é alumínio e enferruja com o tempo . Potencia, resposta audível e  especificações não correspondem ao especificado! 

Acima: Exemplo de arandela Top Premium, cone fibra de carbono ou em kevlar grade alumínio pintura eletrostática branca, proteção UV, algumas ainda possuem proteção IP concernente a aplicação.
Arandela Top Premium, cone fibra de carbono ou kevlar, grade alumínio pintura eletrostática branca

Na instalação de sistemas de som para espaços residenciais e comerciais ha formas de projetos que você deve considerar:

Sendo o projeto e instalação do local `a ser sonorizado, feito por profissionais especializados: Engenheiros, Arquitetos, Design de interiores etc., não é o certo você realizar o seu projeto com equipamentos populares, que são equipamentos em geral de baixo custo, mas não atendem nenhuma norma técnica: ABNT, ANSI, ISO etc. E normalmente um profissional devidamente habilitado no conselho de classe, não assina e valida produtos que não atendem normas, na nossa empresa Som Ambiente®,  devido à responsabilidade técnica do nosso especialista,  não operamos com produtos que não atendem a padrão mínimo de qualidade e  que não atende as normas básicas nas especificações técnicas, sendo este um dos nossos diferenciais, garantia de adquirir o que vai funcionar e ter longevidade de funcionamento.

Os Sistemas de sonorização para instalação fixa ou som instalado, que são os sistemas para musica  e voz em residências e empresas, devem ser normatizados, sendo no mínimo o padrão Standard, porem deve ser com equipamentos que atendem normas técnicas, e que as especificações técnicas correspondem ao produto, que não deteriorem a qualidade do som com o tempo, usam matéria prima que resiste ao tempo mesmo depois de vários anos de uso. Esse principio se aplica para os produtos qualidade custo beneficio e Premium, porem esses últimos possuem diferenciais, recursos e afins alem do padrão standard.

Acima: Instalação Profissional padrão qualidade custo beneficio, em local de alta afluência de publico – hospital – realizada pela Som Ambiente® e instalação em uma sala de artes e Educação. 

Imagine você projetar, instalar e decorar seu local de trabalho ou residência, com profissionais de alto nível, e por não ter a informação, escolher uma instalação com produtos populares, que em geral com menos de um ano e meio já enferrujou a tela por ser de ferro pintada sem tratamento, principalmente se trabalha com ar condicionado, o plástico branco já ficou amarelo feio devido a ser feito com matéria prima de baixa qualidade e a qualidade de som que já não era perfeita alterou ficando sem inteligibilidade devido ao ressecamento e alteração do cone do falante pela temperatura. Normalmente em casos assim convive-se com o sistema deficiente durante muito tempo devido a já ter investido em sonorização, e em determinadas situações desmanchar para fazer depois de instalado, vira um transtorno e custo muito maior se optasse na instalação por um sistema qualidade custo beneficio ou top Premium, por causa de retrabalho em pintura, retirar mobiliário, refazer infra etc

Neste ponto, muitos não munidos da informação, dizem: não, quero apenas um som baixo, não quero boate, nem musica com volume alto, engano, pois para um som ser baixo, eficiente e atender, ele imperiosamente tem que possuir alguns pré-requisitos técnicos mínimos como o é padrão standard. Um hotel standard não possui luxo, mas ira atender plenamente sem gerar riscos de qualidade e funcionalidade.

Outro mito e paradigma conceitual errado, praticado até por alguns que já esta no mercado ha muito tempo, é o que alguns pensam sobre sistemas de som para determinado local, julgando que um som para um  local ou zona (ambiente) é sempre taxado como baixo (musica de fundo). Quem disse que um sistema de som para uma determinada zona é sempre baixo, ou é para apenas música de fundo?

O raciocínio lógico traz os seguintes questionamentos coerentes, Pergunta-se:

um local ou zona (ambiente) para música ao vivo não é um ambiente para som?

Um  local ou zona (ambiente) para shows de rock não é um ambiente para som?

Um local ou zona (ambiente) para espetáculos de grande público não é um ambiente para som?

Portanto conclui-se que em um ambiente você pode instalar, projetar diferentes tipos de sistemas de som,  ou seja colocar diferentes tipos de sistemas e níveis sonoros e não apenas um sistema para música em primeiro plano chamada música de fundo ou ambiente. Que erroneamente  taxa-se o sistema com equipamentos de som. como se em um determinado ambiente você não pudesse colocar uma caixa com um amplificador de 2 kW.

A sonorização feita com caixas acústica de parede ou caixas acústica de embutir espaçadas igualmente  que proporcionam o mesmo nível sonoro de DB em qualquer local/ponto do ambiente que está instalado, possuem vários sinônimos e terminologias técnicas corretas como:

  • Sistema de Audio distribuído – para um sistema montado/instalado de alta ou baixa impedância em um ambiente para musica de fundo e voz
  • linha para instalação fixa – o mesmo que o sistema de Audio distribuído
  • sistema para instalação fixa – devido aos equipamentos serem instalados permanentemente o mesmo que Audio distribuído.
  • sistema de som para primeiro plano – quando a utilização é para música de fundo no ambiente,
  • Áudio comercial – para instalação de som distribuído em empresas
  • Áudio residencial – para instalação de música ambiente em residencias
  • linha musical – para sistemas e equipamentos como caixas acústicas e amplificadores,   para aplicação e instalação em sistemas para música ambiente, como por exemplo com caixa de gesso ou parede.
  • Serviços e equipamentos para música ambiente – designa sistemas de som distribuído em diferentes espaços a sem implantado: comercial, residencial, escritórios etc.
  • e algumas outras denominadas pelas industrias com terminologia especifica.

Aqui você pode estar questionando:

  • Porque então já vi chamar uma caixa de som de caixa para som ambiente?
  • Porque vi  usar desta forma?

Inicialmente, quando se diz “caixa para som ambiente“ você esta dizendo que essa caixa é para a empresa e marca Som Ambiente® cuja marca formada está no mercado desde 1981,  sendo que você não esta fazendo, montando nada para  esta empresa e tem que ser respeitado uma marca registrada independente daquilo que acha-se, isto é lei e não pode ser cometido Contrafação  de marca registrada, não pode  uma marca ser nome de linha torna-se uso ilegal. No Brasil infelizmente os produtos de baixa qualidade ganham em volume de vendas dos produtos que possuem qualidade (numero de unidades vendidas) e devido alguns fabricantes, não respeitarem a lei  vigente, que é:  Constituição Federal  de 1988 Artigo  5º XXIX – garantia da lei sobre a propriedade da marca e nome empresarial e o  Artigo  4º Inciso VI do código do consumidor – respeito a dignidade, transparência, proteção dos interesses econômicos a marcas, nomes empresariais  e sinais distintivos, LPI 9279/96 Lei de propriedade Industrial; estes tipos de empresas cometem  Contrafação  e disseminando infrações (uso indevido) de marcas registradas e induzindo ao erro e a inversão de valor onde o que é errado assemelha e induz erroneamente como se fosse certo.

Ao copiar a parte nominativa de uma marca com propósitos de  laçar e induzir o consumidor ao erro, já demonstra antes da negociação: falta de transparência e veracidade na especificação dos produtos e serviços, e ainda capacidade  e desconhecimento técnico de engenharia,  pois quem é especializado sabe que existe terminologias normatizas e se nao existisse, ha a inovação tecnológica que pode ser criativo e transformar o termo técnico criado um sucesso. Em vários países desenvolvidos como EUA e Japão isto não acontece. Até mesmo que os cérebros “pensantes“, optam por inovar, criar, fazer acontecer, fomentar a inovação e tecnologia ao invés de pegar indevidamente o que já está pronto.

Os usuários que apreciam qualidade, conforto acústico auditivo nas soluções de áudio, devem optar pelos projetos top Premium, que são produtos de fabricação com matéria prima superior  que atendem a todos os tipos de exigência.

Esses produtos Premium não tem haver com potencia ofertada, e sim com o resultado de funcionamento, muitos pensam que um produto de qualidade tem que ser ultra potente,  você pode ter uma caixa acústica de 50 w Premium que ira apresentar um resultado sonoro maior que uma de 80 w padrão standard ou de 200 w básico popular, principalmente porque os básicos populares  distorcem mais e em vários casos tem especificações técnicas fictícias,  e como a especificação de um produto Premium é real você tem a sensação de um produto de potencia maior com plena inteligibilidade na reprodução sonora e rendimento e vida útil excelente.

Acima: Caixas acústicas,  externa e de embutir Top Premium para  audio distribuído usado para música e voz.

Mesmo que não invista em um projeto e instalação Top Premium, o recomendado é uma instalação de entrada padrão standard, que é a primeira opção em instalações e projetos e acima das instalações com produtos populares.

Produtos de qualidade padrão standard similarmente é o mesmo que um carro popular básico, pode não ter grandes confortos, mas funcionam perfeitamente de forma igual com longa vida útil, e ainda quando apresentam defeito depois de vários anos ha manutenção.

O mercado hoje esta infestado com produtos populares de baixa qualidade não normatizados, devido a atual conjuntura macroeconômica e globalização e o conceito pre concebido que deve-se optar pelo melhor preço, que se o cliente não se valer de um especialista de confiança, sempre terá alguém que ira lhe dizer que esse tipo de produto funciona igual e que já foi feito varias instalações.

Em instalações e áudio corporativo,  áudio comercial e Residencial, opte sempre por  instalar produtos que atendam normas técnicas, produtos que a qualidade do som não irão alterar com o passar do tempo e que possuam pós venda.

Para maiores informações de suporte, aquisição de produtos,  instalação e consultoria procure-nos.

Por Eng. Luiz  Reis Lana – SOM AMBIENTE®

www.somambiente.com.

somambiente@somambiente.com.br

31 3337 5863

31 3075 7926

11 2626 0582